terça-feira, fevereiro 13, 2007

aproxima-se o dia...


14 Fevereiro... it's Sweet, it's Valentine!
Love C. Hepburn.

segunda-feira, fevereiro 12, 2007

cabelo...

cortei o cabelo... mais uma vez tive a infeliz ideia de o cortar pessoalmente na intimidade da minha casa de banho, irritam-se os caracois que se acumulam no topo da minha cabeça e parece que não me deixam respirar. mão + tesoura = dupla mortal... pareço um doente de cancro! pronto, nem tanto, eu tenho um problema com os exageros...

quinta-feira, fevereiro 08, 2007

reuniões sem fim...

são reuniões sem fim que costumam terminar o meu dia escolar às quintas feiras... pelo menos nas duas últimas semanas! reuniões com objectivos dúbios que pretendem resolver problemas e tirar dúvidas, mas que na realidade apenas levantam mais dúvidas a todos os presentes, sim porque os responsáveis, ou melhor, os que nos podem responder acerca dos problemas saem das reuniões antes que "a porca torça o rabo" como se costuma dizer. se o ministério da educação disponibilizasse tempo para ir ás escolas, neste caso às do ensino superior, e vissem a realidade como ela é, e não como é descrita em milhares e milhares, e mais alguns extra relatórios que recebem no final do ano lectivo, então (possivelmente) haveria reestruturações sérias nos sistemas internos, é indecente os 900euros de propinas que se pagam, e que produzem tão pouco resultado! tudo bem que aprendemos, e temos a sorte de ter alguns professores que realmente ensinam, mas a verdade é que as cabeças ficam demasiado esgotadas de fazer tanta reciclagem mental e cognitiva que as coisas boas acabam por passar ao lado...
estou farto de reuniões e de tantos problemas que não deviam existir, aqui, na escola, enquanto estamos a aprender (supostamente), está tudo um caos!!!! nem paciência tenho para escrever mais... retiro-me!

terça-feira, fevereiro 06, 2007

frio...

devia ter trazido mais uma camisola... está um frio de rachar! ainda pensei em trazer, mas era tarde, o leite a ferver, e eu a correr para sair de casa. ou mais um casaco, também podia ser! mas não, o sentido estético não me permite andar vestido de chouriço todos os dias que o nevoeiro desce à cidade... viva os casacos almofadados!

livros sem capa

Porque é que as pessoas acham que tem que esconder aquilo que lêem em espaços públicos? Uma capa branca, para ninguém saber o que é que se está a ler? Viva o egoísmo... e um beijinho para a menina egoísta que vinha hoje à minha frente, um bocadinho mais para a esquerda, no metro.

Seguidores